*

I concurso Ibero-americano de contos sobre a deficiência

alt="concurso Ibero-americano"

 

A Rede Ibero-americana de Entidades de Pessoas com Deficiência Física (La Red) lança o I concurso Ibero-americano de Contos sobre a Deficiência, a fim de sensibilizar a população e quebrar o estereótipo de pessoas com deficiência, apresentada como super-heróis ou seres especiais que merecem pena e piedade.

Este I Concurso Ibero-americano de Contos sobre a Deficiência enquadra-se no projeto internacional “A deficiência desde a abordagem baseada nos direitos: consolidando o trabalho em rede na América Latina e no Caribe”, conduzido pela La Red e a COCEMFE com financiamento da Agência Espanhola de Cooperação Internacional para o Desenvolvimento e a Fundação Once.

Podem participar neste evento todas as pessoas dos seguintes países desde que sejam maiores de 18 anos: Argentina, Colômbia, Cuba, Equador, El Salvador, Espanha, Honduras, México, Nicarágua, Paraguai, Peru e República Dominicana. Além disso, de acordo com as bases, os contos devem ser apresentados em espanhol, têm que ser originais e inéditos e não poderão ter sido apresentados em outro concurso.

Por outro lado, a única temática é a deficiência, procurando quebrar os diferentes estereótipos em que se encaixam as pessoas deste grupo.

As categorias são as seguintes: categoria Amadora, pessoas que gostam de escrever com algum conhecimento da área mesmo; e a categoria Profissional, as pessoas que geralmente praticam a atividade da escrita.

O prazo limite para a receção dos contos originais será 7 de setembro de 2015, e o prazo máximo de resolução do procedimento será 30 de outubro de 2015. A decisão será lançada através do site La Red www.larediberoamericana.com.  A decisão será comunicada pessoalmente aos vencedores.

Os prémios serão:

Categoria Profissional:

1º Prémio:

– Gravação do relato em “áudio livro” acessível e publicação no site La Red.

– Edição digital do conto com ilustrações.

2º Prémio:

– Gravação da história em “áudio livro” acessível e publicação no site La Red.

Categoria Amadora:

1º Prémio:

– Gravação da história em “áudio livro” acessível e publicação no site La Red

– Edição digital do conto com ilustrações.

2º Prémio:

– Gravação da história em “áudio livro” acessível e publicação no site La Red.

Consulta aqui as regras do concurso.

Fonte de informação: http://www.larediberoamericana.com/?p=4240

UNNE-CONADIS vai trabalhar sobre a integração das pessoas com deficiência

alt="UNNE"

O III Congresso Internacional sobre Deficiência teve lugar em Resistência (Argentina) de 19 a 21 de agosto de 2015 e teve um propósito claro: gerar uma linha de pensamento que ampliasse a visão sobre a diversidade. Em suma, os objetivos deste congresso foram definidos em três palavras: debater, gerar e unificar.

Sem dúvida, este encontro foi muito frutífero e os primeiros resultados já chegaram: a reitora da UNNE, a Professora Maria Delfina Veirave assinou um convénio de cooperação com a Presidente da Comissão Nacional Assessora para a integração das pessoas com deficiência (CONADIS), Professora Silvia Bersanelli.

Este convénio permitirá que as acções de formação, assistência técnica e fortalecimento institucional da UNNE por parte da Comissão Nacional que terão início no mês de outubro de 2015. As linhas de formação foram definidas no campo da Convenção Internacional para a Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência (à qual o país aderiu e tem hoje classificação constitucional), Vida independente e emprego, Linguagem adequada e comunicação inclusiva e a deficiência no novo Código Civil.

No ato estiveram além da Lic. Rosana Alasino, funcionária da CONADIS, a Coordenadora da Comissão Inter-Universitária Deficiência e Direitos Humanos do CIN Prof CIN Marcela Mendez e a Coordenadora da Comissão de Deficiência da Universidade Nacional de Cuyo Prof Alicia Reparaz. Acompanharam na cerimónia a Reitora o Secretário General de Extensão Universitaria Lic. Juan Irala e o Diretor do Projeto Desenho Universal NEA Arq. Julio Putallaz.

“As linhas de formação serão: a defesa dos direitos das pessoas com deficiência, vida independente e emprego, linguagem adequada e comunicação inclusiva e a deficiência no novo Código Civil”

Durante a reunião, a Sra. Reitora expôs os avanços em matéria de acessibilidade física nos vários campus, o Projeto Institucional apresentado à Secretaria de Políticas Universitária na Convocatória PODES e outras ações para a inclusão, como o Programa de Povos Indígenas. Por outro lado, a Professora Bersanelli colocou à disposição da UNNE as diferentes linhas de assistência no campo da inclusão e abordagem de incapacidade que o CONADIS dispõe e a sua capacidade de articulação com as diferentes áreas de governo.

A partir do convénio, ambas as instituições vão planear programas de ação conjunta, especialmente aqueles relativos à Difusão da Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência, Acessibilidade, Trabalho, Educação, Assistência Social, Saúde e Reabilitação. Também estão a planeados projetos de formação e aperfeiçoamento de professores e investigadores.

O acordo terá a validade de dois anos, renovando-se automaticamente por igual período, a menos que as partes de comum acordo decidam rescindi-lo.

III Congresso Internacional sobre deficiência

alt="Congresso Internacional"

O III Congresso Internacional sobre Deficiência vai realizar-se no Centro de Convenções Gala de Resistência (Argentina) de 19 a 21 de agosto de 2015. Com esta nova edição, fica já consolidado este evento que promove o IPRODICH.

O objetivo desta conferência é gerar uma linha de pensamento que pretende expandir a visão para os aspetos epistemológicos que funcionam, tentando processos para melhorar e construir um verdadeiro discurso da diversidade. Em suma, os objetivos desta reunião definiram-se em três palavras: debater, gerar e unificar.

Sob o lema “Políticas de Inclusão para a Diversidade”, o III Congresso Internacional sobre a Deficiência já tem confirmada a presença de 2.300 inscritos e 36 oradores, entre eles: Verónica Violant (Universidade de Barcelona), Dra. Blanca Estela Zardel (Universidad Nacional Autónoma de México), Silvia Bersanelli (CONADIS) e Andrea Aznar (Fundação Itineris).

Durante as três jornadas do Congresso haverá sessões plenárias, debates, mesas redondas, exposições culturais, stands informativos, entre outras atividades.

ProEdu: Programa de apoio à educação inclusiva das pessoas com deficiência

alt="proedu"

A Fundação ProIntegra lançou recentemente o programa “ProEdu”, que irá fornecer apoio personalizado aos professores que tenham pessoas com deficiência nas suas aulas.

Como salientou Mercedes Viola, diretora da Fundação ProIntegra, na Rádio Uruguai, este programa de apoio à educação inclusiva das pessoas com deficiência surge devido à “falta de ferramentas” que existe nas diferentes instituições e que “preocupa e prejudica o acesso à educação de pessoas com deficiência”. O apoio será realizado por um técnico que também irá estabelecer uma ligação com outros profissionais, que eventualmente trabalhem no caso fora da instituição educativa.

“A falta de ferramentas que existe nas diferentes instituições é algo que preocupa e prejudica o acesso à educação de pessoas com deficiência”

Em última análise, a missão deste programa de apoio à educação inclusiva das pessoas com deficiência é “fornecer estratégias que mediem entre a criança, a sua deficiência e o mundo e promovam os mais elevados níveis de autonomia que permitam uma inserção plena, de qualidade, em todos os âmbitos além de mediar os processos de integração do grupo com os colegas em situação curricular e extracurricular, apontando para o desenvolvimento dos valores de aceitação, de solidariedade e de compreensão do colega com deficiência.

O projeto tem o apoio da Federação de Autismo do Uruguai, d Associação de Síndrome de Down de Salto,d a Associação Down de Durazno e a Associação Down de Maldonado.

Se queres ouvir o áudio completo Clica Aqui.